SÃO GOTARDO-MG – DIOCESE DE PATOS DE MINAS

(Palavra do Pároco)

            Uma dedicada enfermeira, sobrecarregada com tantos pacientes a atender, viu um jovem entrar no quarto e, inclinando-se sobre o paciente idoso, em estado grave, dizer-lhe em voz alta: – seu filho está aqui.

            Com grande esforço, o velho moribundo abriu e fechou os olhos. O jovem apertou a mão envelhecida do enfermo e sentou-se ao lado da cama.

            Por toda a noite ficou sentado ali, segurando a mão e sussurrando palavras de conforto ao velho homem. Ao amanhecer,  o cansado enfermo veio a falecer. Contudo, tinha uma expressão de paz no rosto enrugado pelo tempo.

            Em instantes, a equipe de funcionários do hospital encheu o quarto para desligar os aparelhos e remover as agulhas. A enfermeira aproximou-se do jovem e começou a dizer palavras de conforto, mas ele a interrogou com uma pergunta: – quem era esse homem?

            Assustada, a enfermeira respondeu: – eu achei que fosse o seu pai!

            – Não. Não era meu pai – falou o jovem. – eu nunca o tinha visto antes.

            – Então, por que não falou nada quando o anunciei para ele? – perguntou a enfermeira.

            Eu percebi que ele precisava do filho e o filho não estava resolvi segurar sua mão para que ele se sentisse amparado. Senti que ele precisava de mim.

            Madre Tereza de Calcutá costumava dizer que “ninguém tem de morrer sozinho”. Do mesmo modo, ninguém deve se afligir ou chorar sozinho; rir ou Celebrar sozinho.  Deus é providente e enviou-me como filho entre os filhos de São Gotardo para juntos segurarmos uns nas mãos dos outros e todos em suas Mãos de Pai.

            Desculpem pelos momentos em que me omiti em chorar com alguns, em que a omissão foi tamanha em não rirmos juntos e por não termos celebrado juntos.

 

 

          

 enfim meu Deus vos dou graças. Graças

Pelos 5 anos 5 meses e 10 dias aqui vividos….

Pelas Missas celebradas,…. graças a Deus…

Pelos matrimônios assistidos,… graças a Deus…

Pelos batizados ministrados,… graças a Deus…

 Pelos enfermos assistidos,… graças a Deus…

Pelas confissões ouvidas,… graças a Deus…

Pela palavra pregada,… graças a Deus….

Pelas graças espelhadas,…. graças a Deus…

Pelas bênçãos dadas,… graças a Deus…

Pelos cansaços sem fim, …. graças a Deus…

Pelos sorrisos recebidos,… graças a Deus…

Pelas mãos estendidas, … graças a Deus…

Pelos gestos de doação,… graças a Deus…

 Pelos gestos de amor a Igreja,… graças a Deus…

Pelos trabalhos realizados,… graças a Deus…

Pelos ministérios assumidos,…graças a Deus…

Pela vida das pastorais e movimentos,… graças a Deus…

Pela presença dos sacerdotes que aqui passaram,…graças a Deus…

Pelas obras realizadas,…graças a Deus…

Pelas faltas cometidas, perdão, meu Deus…

Pelas falhas e desânimos, perdão meu Deus,…

Que, um dia, lá no céu,

Ao lado da Virgem Maria,

Eu possa cantar eternamente:  graças a Deus,… graças a Deus…

Carinhosamente Pe. Antônio Carlos Paiva.

Bem vindo Pe. Divino José Gonçalves. Bem vindo diácono Divino Lucas. Deus vos protejam! Deus vos abençoe! Um feliz pastoreio! É o que vos deseja de coração esse irmão de sacerdócio que a Virgem Mãe de Deus e dos sacerdotes interceda diante do Divino Filho as graças de que tantos precisais. Fraternalmente.

 Pe. Antônio Carlos.

                                  

divisoria

COMO O TEMPO PASSA

09/10/2010

Há pouco iniciamos novembro. Ao começarmos mais este mês pomo-nos a refletir o quanto o tempo passa. Passa rápido o tempo. Passa muito rápido a vida.

Este mês como sucede em todos os meses, como ocorre em todos os dias, é tempo de graça de Deus em nossas vidas. Mas novembro traz para a nossa vivencia cristã uma oportunidade ímpar para pensar um pouco mais em nossa existência, na nossa passagem por este mundo. Basta lembrar que dia primeiro é dia de todos os santos. É então momento para olharmos um pouco para a vida daqueles que passaram por este mundo, por esta vida, e não a desperdiçaram com coisas vãs e pensamentos inúteis; pois empregaram todo o tempo ou boa parte dele em fazer feliz outras pessoas.

No dia dois tivemos a oportunidade em celebrar o dia de finados; dia de saudade, de reflexão e esperança. Pois recordamos com carinho nossos parentes e amigos que vivem em Deus e com Ele. Refletimos sobre nossa existência, nossa passagem por este mundo, e assim podemos chegar à conclusão de que “tal vida, tal morte”.

E dando prosseguimento às coisas que sucedem nesse mês, aqui em São Gotardo temos a oportunidade da realização do 34° Encontro de Casais com Cristo. Momento este que será rico para que muitas famílias, muitos casais façam a experiência de Deus, reflitam sobre a dignidade de viver em família e como família.

Depois teremos a realização da celebração do Sacramento da Crisma para muitos de nossos adolescentes e jovens; para estes que no decorrer de anos de preparação, com a ajuda de pais, padrinhos e catequistas, darão a adesão a Cristo se comprometendo com Ele, com a sua causa e com a sua Igreja, assumindo o compromisso de viver bem o hoje, o agora, fazer o bem e viver o amor.

E por fim, vamos organizando-nos para a celebração do Santo Natal. Lembro que o livrinho da Novena do Natal já se encontra no Escritório Paroquial a disposição das comunidades e dos coordenadores de grupos. Não deixem essa oportunidade passar, pois é graça de Deus, é bênção sob bênção.

Todos esses acontecimentos, todos esses momentos, são para lembrar-nos que o tempo passa, a vida passa, mas para aqueles e para quem está aproveitando-o sabiamente, este tempo vai tornando-se momento de graça e de bênçãos.

Até a próxima, com a bênção de Deus e a proteção de Maria!!

Fraternalmente, pe. Antonio Carlos Paiva

divisoria

EM MARIA VEMOS O MODELO DE PERFEIÇÃO

22/10/2010

“Saúde e Paz”!

Agora aprofundamos o segundo e o terceiro episódios da vida de Maria, que foram a visita à sua prima Isabel e o Nascimento de Jesus.

No primeiro, percebemos que Maria foi ao encontro de Isabel para socorrê-la. Ao chegar à casa da parenta, encontrando-a de alma aberta para Deus e seus mistérios, sentiu que podia contar, narrar e descrever um grande fato, que guardara no coração, e contou narrando o Magnificat: “Minha alma engrandece ao Senhor, e meu espírito exulta em Deus, meu salvador, porque olhou para a humilhação de sua serva. Sim! Doravante as gerações todas me chamarão de bem-aventurada” (Lc 1,46-48).

Foi dessa forma que Maria contou à sua prima sua extraordinária experiência. No canto do Magnificat, Maria exprimiu. Pode-se perceber como o Cristo, que vivia nela, dava sentido ao antes, ao durante e ao futuro da humanidade.

Em sua visita a Isabel, no entanto, a Mãe de Deus não cumpriu apenas um gesto de caridade, nem tão pouco cantou o Magnificat. A presença de Jesus nela santificou no seio de Isabel o seu filho, João Batista.

Algo semelhante ocorre conosco, quando com nossos gestos de cristãos comunicamos o Cristo que vive em nós e quer viver no outro. Será então o que chamamos “a graça de Deus agindo em nós na vida e para a vida do próximo”.

Portanto, queridos e queridas em Cristo, não tenhamos medo, receio e vergonha de buscar em cada dia a perfeição para fazer outros perfeitos no amor de Deus.

Uma terceira via que somos chamados ainda a percorrer será aquela de “gerar Cristo” para as pessoas. É isto que contemplamos no nascimento de Jesus. Maria dá Jesus ao mundo (cf Lc 2,7; Mt 1,25).

É uma etapa em nosso itinerário espiritual que não podemos nos esquecer. É missão do cristão falar do amor de Cristo por nós: o quanto Ele nos ama, o quanto somos importantes para Ele.

Fique com Deus e a proteção de Maria!

Fraternalmente, pe. Antonio Carlos Paiva

divisoria

MARIA, MODELO DE PERFEIÇÃO

14/10/2010

“Saúde e Paz”!

Outubro é um mês rico e muito significativo para os cristãos; pois, temos oportunidade de refletir sobre a nossa vocação missionária, celebramos o rosário e também comemoramos o dia de nossa Padroeira. E será sobre Maria a nossa reflexão.

São Paulo aos Tessalonicenses diz: “é vontade de Deus a vossa santificação” ( cf 1 Ts 4,3). É vontade de Deus para todos os batizados. “sede santo como Eu Sou Santo”. “Sede perfeito como Eu Sou Perfeito”. Assim a palavra de Deus vai exortando para um caminho que conduz a Deus.

Em Maria essas etapas são bastante nítidas. Na anunciação podemos dizer que se trata do primeiro episódio da vida de Nossa Senhora de que fala o Evangelho (cf Lc 1, 25ss). Maria desde sempre fora eleita por Deus. Pelo seu “sim” desponta nela uma realidade nova: a encarnação do Verbo no seu seio.

Podemos perceber que na vida dos santos algo semelhante ocorre. Eles são plasmados, habitados por Deus e por isso vivem uma atualização do Batismo.

Somos filhos e filhas de Deus. Ele gosta de nós, Ele nos ama e nos chama também a trilhar o caminho da perfeição.

Uma feliz peregrinação para o “coração de Deus”, para “os seus braços”!

E até a próxima onde continuaremos essa temática a da perfeição, olhando outros aspectos da vida de Maria que será sempre modelo para nossa vivência cristã.

Um fraterno abraço de pe. Antônio Carlos Paiva.

Fique com Deus e a proteção de Maria!

divisoria

A ARTE DE ESCUTAR

10/10/2010

“Saúde e Paz”!

Narra-nos o evangelista Lucas no capítulo décimo que em certo dia, o Divino Mestre Jesus entrou na casa de suas amigas, Marta e Maria. A primeira em meio às preocupações cotidianas correu à cozinha. A segunda simplesmente se sentou aos pés do Divino Mestre para escutá-lo. Marta queixa-se com Nosso Senhor, querendo que a irmã lhe desse uma ajuda. O Divino Mestre fez com que Marta compreendesse que não era preciso preocupar-se com os serviços em geral. E que Maria havia feito a escolha certa, a escuta.

A sabedoria popular diz que o Criador nos deu dois ouvidos para escutar e uma boca para falar. Saber escutar é uma arte, é característica de pessoas sábias.

Existem ocasiões em que não dizemos nada, simplesmente escutamos o outro e ao partir nos diz: Obrigado! O senhor me ajudou tanto!

Às vezes a pessoa partiu sem que disséssemos uma palavra sequer. Pergunto: Ajudamos em que? Porque a escutamos com amor, com carinho e atenção; e, sobretudo escutamos com os ouvidos do coração.

É isso mesmo. O coração tem ouvidos. Felizes sereis vós se permitirem que eles ouçam.

Fraternalmente em Cristo e Maria.

Pe. Antônio Carlos Paiva.

Até a próxima! Com a benção de Deus e a Proteção de Maria.

divisoria

“SAÚDE E PAZ!”

08/10/2009

Prezados amigos!

Com alegria quero usar esse espaço para levar aos amados irmãos e irmãs uma mensagem de fé, amor e esperança. E com isso vamos nos interagindo e  usando esse espaço para evangelizarmos juntos.

Até a próxima! Com a benção de Deus e a proteção de Maria.

Fraternalmente, padre Antônio Carlos Paiva

divisoria

É O INÍCIO DE UMA NOVA ETAPA

07/01/2009

(Padre Antônio Carlos falando sobre essa nossa página na internet)

É o início de um novo ano! É como se uma nova vida se iniciasse. Pelo menos uma nova etapa.

E, para a vida de nossa paróquia uma nova etapa, uma nova página está sendo escrita, pois estamos inaugurando esta página para que ela seja assim, um instrumento de evangelização, pois como o apóstolo Paulo, queremos servir “desse novo aerópago” para evangelizar o nosso querido povo de Deus.

Por estarmos iniciando esse novo ano todos se sentem como que rejuvenescidos e com maior ânsia de viver. E isso não é mau. Só que devemos rever nossas metas, nossos ideais e objetivos; não nos contentar simplesmente com os planos de uma vida econômica, política, social, cultural e profissional mais completa e de maior ou de maior influência.

Devemos procurar entender que a verdadeira vida, que dá sentido à verdadeira vida, a vida superior, a que dá sentido aos demais padrões de vida, é a vida espiritual.

Se o Senhor nos dá um novo ano, com plena certeza será porque Ele tem algum plano sobre nós para esse novo ano. E nós, o que temos feito para descobri-lo? Paulo pergunta ao Senhor: – Que quereis de mim?

Meu querido e minha querida: não seria oportuno que nesse início de ano você fizesse uma pausa diante de Cristo, que permanecesse com Ele alguns instantes e lhe perguntasse: “Que esperas de mim? Que queres de mim neste 2009?”

Até a próxima.

Um abraço carinhoso de Padre Antônio Carlos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Nuvem de etiquetas

%d bloggers like this: